English Version
(11) 41078997 / (11) 98558-8579

Dr. José Carlos Garcia Jr.

Especialista em cirurgia de ombro, cotovelo e artroscopia

Home / Trabalhos científicos / Ombro / Luxação acrômio clavicular, placa clavicular com gancho subacromial

Luxação acrômio clavicular, placa clavicular com gancho subacromial

Congresso Brasileiro de Artroscopia e Traumatologia Desportiva
2011-Gramado-Brasil
Apresentação oral

Tratamento cirúrgico da luxação acrômio clavicular com placa clavicular com gancho subacromial, sem retirada da placa. Análise de 15 casos.

Objetivos – O tratamento da luxação acrômio clavicular pelo método descrito por Weaver e dunn tem como característica a necessidade de imobilização prolongada pos operatória e inicio tardio da reabilitação. Analisamos os resultados do tratamento com placa clavicular com gancho subacromial.

Material e métodos  de junho de 2010 a janeiro de 2011, 17 pacientes foram submetidos a tratamento cirúrgico de luxação acrômio clavicular Com placa com gancho da Synthes®. 4 agudas, 8 crônicas e 5 recidivadas. Nos casos agudos foi feita a sutura dos ligamentos coraco claviculares. Nos crônicos e recidivados foi feita a transferência do ligamento coraco acromial para coraco clavicular. Os casos foram avaliados com UCLA pré e pós operatório. Nenhuma placa foi retirada.

Resultados os pacientes apresentaram um ucla médio pré operatório de 16,90 e um ucla pos operatório de 31. Não observamos sinais de impacto em relação ao gancho subacromial. Observamos lise no acrômio relacionado ao gancho em 5 pacientes sem ultrapassar 30% da espessura acromial, sem repercussões clínicas

Discussão - as cirurgias convencionais para luxação acrômio clavicular tem como desvantagem a necessidade de imobilização prolongada e perda secundaria de redução, perda essa que não ocorreu com o uso da placa. A proteção fornecida pela placa permitiu a mobilização precoce sem risco para a transferência ligamentar realizada.

Conclusão – A placa com gancho subacromial se mostrou boa opção para fixação da luxação acrômio clavicular permitindo mobilização imediata e início precoce da reabilitação. Necessita de maior seguimento para verificação do risco de complicações tardias e da necessidade de retirada da placa
Voltar